Topo
Blog do Chico Barney

Blog do Chico Barney

Sabrina Sato é a comunicadora brasileira mais completa do século 21

Chico Barney

16/11/2018 13h11

A artista que o século 21 precisa (Foto: Reprodução)

NÃO É APENAS o coraçãozinho da herdeira Zoe que pulsa dentro de Sabrina Sato. A apresentadora da Record também possui o zeitgeist correndo em suas veias.

Estamos falando da figura pública com a jornada mais rica e complexa deste século 21, passando com sucesso por todos os degraus incólume, como uma celebridade de imagem saudável e rentável.

Se já é difícil se estabelecer em apenas uma dessas funções, imagine o trabalho para lograr êxito em absolutamente todas as posições.

Leia a seguir o dossiê do Blog do Chico Barney que comprova algo que todo mundo já deveria saber: Sabrina Sato é a comunicadora mais completa e relevante deste período histórico em que vivemos.

EX-BAILARINA DO FAUSTÃO

O charme e o veneno da mulher brasileira (Foto: Reprodução)

Sato era uma das chacoalhantes figuras que animavam o Domingão no começo dos anos 2000, ao lado da atriz Juliana Alves (que também participou do BBB, inclusive). O posto não tinha o prestígio e o glamour dos dias atuais, as bailarinas não atraíam a quantidade de fãs que conseguem hoje graças ao Instagram, mas sem dúvida é uma passagem importante na longa lista de bons serviços prestados ao entretenimento nacional por parte de Sabrina.

EX-BBB

Infelizmente ao lado de Dhomini (Foto: Reprodução)

Participou da terceira edição do reality show, certamente uma  das mais bem-sucedidas da primeira década do programa. Virou sinônimo de BBB e nada indicava que conseguiria superar o rótulo com o passar do tempo. A seu favor, jamais pareceu preocupada com esse tipo de bobagem. E o resto é história.

EX-PANICAT

Brilha muito no Corinthians (Foto: Reprodução)

Além das participações na rádio, logo se tornou a integrante mais popular do estrondoso sucesso "Pânico na TV" na RedeTV! –ao lado de Ceará e Vesgo, claro. Costumeiramente de biquini ou lingerie, se metendo nas mais diversas roubadas com as Panicats ou seus outros colegas, a "japonesa", como era chamada por Emílio Surita, se estabeleceu como grande sex-symbol para toda uma geração de púberes. Ao longo das temporadas, foi variando as pautas e investindo mais na personagem avoada que arrebata entusiastas até hoje.

CAPA DA PLAYBOY

Memórias… (Foto: Reprodução)

Posou em 2003, ainda na esteira do sucesso arrebatador na casa mais vigiada do Brasil. Pouco tempo depois, repetiu a dose já como estrela do Pânico. Foi parte fundamental da última geração de mulheres famosas que posaram na revista durante um pico da carreira, antes da Playboy passar a investir menos dinheiro nos cachês e, com isso, precisar se virar com celebridades de matizes menos luminosas.

QUINDIM DA PLUTOCRACIA

Vendendo jeans com o auxílio de Luan Santana (Foto: Reprodução)

Pego emprestado o apelido que Elio Gaspari colocou em Antônio Palocci para mostrar que Sabrina é idolatrada pelos donos da grana, mais especificamente o mercado publicitário. A autenticidade com que desenrola os merchans pegou de jeito as áreas de marketing de todo o Brasil. Além disso, o corpo sinuoso e a famosa virilha sarada transformaram a cidadã de Penápolis em uma das favoritas para campanhas de biquini e lingerie. Por mim, tudo bem.

MUSA CARNAVALESCA

A virilha que comoveu o Brasil (Foto: Reprodução)

Além da supracitada virilha sarada, Sabrina lançou muitas modas como uma das mais festejadas rainhas de bateria nos carnavais brasileiros. Com fantasias inovadoras e sem pudores de regular mixaria, a apresentadora virou um dos mais desenvoltos símbolos da folia de Momo.

YOUTUBER COM AMIGOS FAMOSOS

E com a Gretchen também (Foto: Reprodução)

Alinhada às necessidades do tempo e do espaço, passou a investir em redes sociais de maneira séria e estruturada. Tem um canal onde entrevistava celebridades no aconchego do próprio lar, é uma das brasileiras mais queridas do Instagram mundial e vez ou outra dá até uns likes em tweets que escrevo a seu respeito.

APRESENTADORA DE PROGRAMA DE AUDITÓRIO 

Programão (Foto: Reprodução)

Quando resolveu sair do Pânico, abraçou a missão de virar a apresentadora de um programa de auditório que leva o seu nome. Precisamos ser sinceros aqui: a atração não chega a ser boa, é verdade. Tem todos aqueles cacoetes grotescos que a Record faz questão de impôr ao gênero.

Mas o projeto serviu para que ela amadurecesse na função e ainda provasse, de uma vez por todas, que é um dos nomes mais fortes no showbiz sob o ponto de vista comercial. A melhor notícia é que ano que vem o Programa da Sabrina sai do ar e ela passará a apresentar um novo formato na grade da emissora. Estamos ansiosos para descobrir qual vai ser.

DIGITAL INFLUENCER NO TEMA "FAMÍLIA"

Embaixadora das fraldas (Foto: Deividi Correa/AgNews)

O Brasil acompanhou os surpreendentes 10 meses de gravidez com raro afã. Todas as plataformas ocupadas com graça e elegância por Sabrina tiveram conexão direta com o tema. O pai da criança, Duda Nagle, outrora um ator de menos expressão, agora é uma celebridade de primeira linha graças ao interesse do público sobre a vida da musa. Conhecemos melhor toda a família da apresentadora, que passou a ser garota-propaganda até de fraldas.

A maestria com que Sabrina Sato conseguiu abraçar todas as fases da própria vida de maneira cuidadosamente midiática é um colosso. Pegar qualquer um dos itens dispostos neste texto e desenvolver uma carreira em torno dele já seria digno de aplausos. Flanar por todos, sempre em alto nível, é coisa de quem sabe muitíssimo bem o que está fazendo.

Qual será o próximo capítulo na excitante saga de Sabrina na cultura popular?

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

Sobre o autor

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002