Topo
Blog do Chico Barney

Blog do Chico Barney

Nada de Fernanda Gentil! Apenas Louro José pode salvar o "Vídeo Show"

Chico Barney

02/01/2019 15h29

Foto: Reprodução

O futuro da excelente apresentadora Fernanda Gentil é motivo de rumores e especulações nos bastidores da Globo. Ejetada da condição de estrela no núcleo de esportes da emissora, terá como missão reverter a recente onda de malfadadas apostas no entretenimento da emissora.

Dentre as possibilidades que se apresentam para o destino da ex-comandante do Esporte Espetacular, duas se destacam: um novo programa matinal ou o comando do Vídeo Show. Na minha humilde opinião, a apresentadora merece um projeto um pouco mais forte, como um formato no horário nobre.

Mas tergiverso. Meu ponto aqui é outro, embora use como gancho as informações coletadas acima. O Vídeo Show, sempre muito comentado e tão pouco assistido, não conseguirá dar uma guinada relevante simplesmente com outra mudança de apresentador.

É um desafio mais profundo, que passa pela abordagem. Fernanda Gentil tem uma ótima relação com as celebridades globais, e com certeza é bem humorada e carismática. No entanto, a aposta em seu nome seria no máximo uma tentativa de emular o wit de Mônica Iozzi com a possibilidade de um viés eventualmente jornalístico.

Foto: Reprodução

Claro que isso já parece muito melhor do que aquilo que o programa apresenta hoje, mas não vamos sonhar pequeno. Quem realmente poderia salvar o Vídeo Show tem nome e sobrenome: Louro José. Bom, não sei se esse é realmente o nome ou o sobrenome dele. Mas enfim…

No entretenimento mundial, diversos personagens surgem em programas e, ao longo da carreira, acabam assumindo novos desafios. O amigável papagaio de Ana Maria Braga teve sua origem no "Note & Anote" da Record. Se mudou com a parceira para o "Mais Você" em 1999. Lá se vão duas décadas de excelentes serviços prestados em Curicica.

Creio que os aspectos lúdicos dessa grande patuscada que é o showbiz nacional teriam seus efeitos potencializados caso o programa fosse apresentado por um fantoche. José já demonstrou que possui jogo de cintura, ampla bagagem cultural e é um queridinho das celebridades, mesmo que apronte das suas.

Caso o amigo leitor não saiba, o tal do Louro é na verdade um personagem, interpretado e manipulado por Tom Veiga. O fato de não ser uma figura real, portanto sem aquela necessidade de aceitação por seus pares, fez com que o papagaio conquistasse liberdade para ser mais ácido e provocativo. É o que falta na usual troca de confetes que garante a crescente falta de apelo do Vídeo Show perante o público.

Essa vantagem do Louro José sobre os humanos comuns precisa ser melhor explorada pela direção da Globo.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

Sobre o autor

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002