Topo

Netflix transforma Gil da Esfirra em astro global com "Bandidos na TV"

Chico Barney

03/06/2019 20h07

Gil da Esfirra é o mais novo fenômeno global (Foto: Reprodução)

"Bandidos na TV", documentário em 7 episódios lançado pela Netflix na última sexta-feira, é absolutamente fascinante. Dica de amigo.

Trata-se de uma série sobre Wallace Souza, apresentador de um programa policialesco extremamente popular durante mais de 20 anos no estado do Amazonas. O "Canal Livre" chamava a atenção pelo excesso de violência na cobertura jornalística, com diversos defuntos exibidos no horário do almoço da família manauara, e também pela agilidade com que suas equipes chegavam aos locais dos crimes.

Quando se tornou deputado estadual, depois de uma votação recorde na região, Souza passou a ser acusado de liderar uma organização criminosa. A história ficou conhecida como "o caso do apresentador que mandava matar bandidos para exibir no programa".

Quem ousar prestigiar a série da Netflix certamente ficará com a pulga atrás da orelha. Dependendo do episódio em questão, tenderá a acreditar ou não na versão dos acusadores.

Wallace Souza nos tempos de "Canal Livre": culpado ou inocente? (Foto: Reprodução)

É uma jornada muito surpreendente, como os melhores documentários costumam ser. O primeiro episódio é brilhante, a melhor coisa que o serviço de streaming já produziu por aqui. Os outros episódios banalizam um pouco a excelente saga, com uma narrativa exageradamente lenta, depoimentos muito pausados e inserts que beiram o constrangimento, como quando o delegado aparece tomando café em um copo vazio, apenas para forçar uma tensão desnecessária.

Mas a história rocambolesca supera qualquer problema trazido pelos maneirismos da produção.

Dos efeitos mais divertidos, certamente é o fato da briga do Gil da Esfirra contra o fantoche Galerito chegar a patamares jamais sonhados. O vendedor de salgados é um importante meme da internet brasileira. Provocado pelo boneco, uma espécie de Xaropinho da família Souza, sempre perde as estribeiras.

O entrevero mais famoso, assistido centenas de milhares de vezes no YouTube, ganha espaço relevante no primeiro episódio da atração. Fãs chegaram a fazer uma petição para que o episódio fosse incluído na série. Além de trazer à tona a vida e obra de Wallace Souza, com todos os seus mistérios e incongruências, "Bandidos na TV" ainda leva o lado pitoresco das atrações populares para novos horizontes.

A audiência internacional, que conhece a série como "Killer Ratings" (algo como 'ibope matador'), certamente vai se encantar pelo carisma, truculência e desequilíbrio emocional de Gil e suas esfirras. Por mim, tudo bem.

Veja o trailer de "Bandidos na TV":

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

Sobre o autor

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002

Chico Barney